Londres teme surtos de gripe suína e aviária durante Olimpíada 

Uma pesquisa realizada pela empresa de consultoria Maplecroft divulgada nesta segunda-feira pelo jornal The Independent indica a preocupante possibilidade de que Londres seja palco de um surto de gripe suína ou aviária durante os Jogos Olímpicos de 2012. A publicação classificou a situação da cidade como "de extremo risco" por conta do elevado número de visitantes para o evento.

A chance da ocorrência de pandemia por conta da aglomeração de pessoas de diversos países para a realização da Olimpíada já havia sido ressaltada por outras organizações mundiais ligadas à saúde. Segundo o Maplecroft, as gripes suína e aviária são as que mais preocupam: são causadas por mutações do vírus influenza (H5N1), que se espalha por via área, além de contato com objetos e alimentos.

A pesquisa ressalta que seres humanos possuem pouca imunidade pré-existente ao vírus H5N1. Se a transmissibilidade for melhorada, a doença pode afetar o mundo todo de forma consistente por conta dos milhões de visitantes estrangeiros que comparecerão a Londres em meados de agosto.

De acordo com o The Independent, os órgãos públicos britânicos relacionados à saúde da população já estão monitorando a situação no país, atentos a qualquer sinal do vírus ou de novas doenças. Um sistema de informação foi instalado em hospitais para ajudar a detectar casos preocupantes.