Iesa Rodrigues: Verão à mineira

Acessórios continuam sendo o ponto forte dos lançamentos no Minas Trend Preview

 

Antes dos lançamentos mais midiáticos da moda brasileira mostrarem suas sugestões para o verão 2011/2012, o 8º Minas Trend Preview saiu na frente. Nesta semana, os desfiles realizados em Belo Horizonte revelaram novidades que podem antecipar alguns detalhes a serem vistos no Senac Rio Fashion Business, Fashion Rio e São Paulo Fashion Week, que se realizarão no período de 23 de maio a 18 de junho.

Além dos 21 desfiles na agenda que priorizou marcas mineiras, com a participação da Cavalera e da Maria Garcia, ambas de São Paulo, o evento reuniu 300 expositores no salão de negócios. Tudo aconteceu sob a supervisão do estilista Ronaldo Fraga, que passou o tema Oxigênio como inspiração para os participantes. 

Deste movimento, ficou confirmada a vocação das indústrias de moda de Minas Gerais para o setor de acessórios. 

O valor dos detalhes – Os trabalhos da grife Mary Design já são consagrados como obras de arte. Na mesma ala da bijuteria conceitual, Claudia Arbex fez bonito com grandes colares de cordões de correntes, fios e contas, vistos sobre belos vestidos de camadas em tom rosado ou nude. Nos calçados, a marca Príncipe Verde já começou conquistando os companheiros de evento. Suas ankle boots de tecidos leves complementaram os looks das coleções de Cila, Camaleoa, Última Hora, Rogério Lima e Aysle. 

Quanto a Rogério Lima, continua sendo uma das maiores atrações dos desfiles que se realizaram no pavilhão Expominas – esta foi uma das boas inovações desta edição, porque poupou os convidados e compradores das longas viagens até a Lagoa dos Ingleses, onde se eram montadas as tendas e salas nas edições anteriores. As bolsas coloridas e cheias de detalhes do Rogério completaram modelos em jeans leve, e como sempre acontece com as apresentações deste designer, as roupas também sinalizaram as mudanças do próximo verão. Mesmo que fossem apenas peças de desfile, os vestidos de cintura marcada e saias amplas, comprimento nos joelhos, confirmaram a decadência das minissaias. 

Seriedade e diversão – Bolsas maiores, saias mais longas e uma beleza mais limpa, detalhes que farão do próximo verão uma temporada mais elegante e menos obviamente sensual. Claro que os mineiros também propõem shorts, maiôs com recortes e coleções dirigidas para um consumo que está mais a fim de se divertir do que ser elegante nos padrões clássicos: a marca Chouchou usou estampas e estilos da identidade de uma menina nerd, a Super Chouchou que, juntamente com seu escudeiro, o Little Dog, luta contra a Miss Inveja e seu Gatinho Maligno. Parece pouco sério? Acontece que a moda tem que evoluir de acordo com os tempos. Que agora exigem interação e mais força de expressão do que nunca. De nerd ou de elegância tradicional (incentivada pelo estilo da Duquesa de Cambridge, ex-Kate Middleton), o consumo de roupas e acessórios vai além de cobrir o corpo ou servir de referência profissional.

PROPOSTAS DE MINAS GERAIS

Cores – Tons aquosos, de fundo do mar. Verde-água, marinho e royal. Muito laranja, coral, roxo e pink. 

Estampas – Indefinidas para o primeiro olhar, mas baseadas em flores quase abstratas. Folhagens aquareladas. Imagens da cultura japonesa.

Inspirações – Japonismos, tropicália, Burle Marx.

Formas – Alongadas, com brilho, listras, calças mais curtas.