Anna Ramalho

 

Até que enfim 

O Senado e a Câmara dos Deputados estão passando um pente-fino em todas as propostas de criação de datas comemorativas. Uma nova lei exige agora que, para vigorar, a instituição de datas precisará passar pelo crivo-critério de alta significação.  

Graças ao Bom Pai

Assim, correm risco de cair bobagens como o Dia Nacional do Reggae, o Dia da Polícia Militar, o Dia Nacional de Combate à Trombose, entre outros desatinos. 

Bobajada

Falando em bobagens, a Câmara Distrital de Brasília aprovou projeto do deputado Cristiano Araújo (PTB) que obriga bares e restaurantes a divulgarem ao lado dos pratos, bebidas e preços, os riscos de dirigir depois de beber. Não tarda,  colocarão no caudaloso cardápio lista de crianças desaparecidas, orações, músicas religiosas e por aí vai. 

Até que enfim 2

O Senado Federal aprovou, anteontem,  a Convenção Interamericana sobre o Desaparecimento Forçado de Pessoal. A Convenção tinha sido assinada pelo Brasil em 1º de junho de 1994, mas estava em discussão no Congresso há mais de 16 anos.  Agora, a bola vai pra dona Dilma sancionar. 

Explicando

A ratificação da Convenção é uma das determinações da Corte Interamericana de Direitos Humanos. Isso constituirá um passo fundamental para a universalização e fortalecimento do sistema interamericano de proteção de direitos, especialmente o desaparecimento propositado de pessoas.

Longe daqui

Gilberto Gil e sua turma – em turnê europeia – foram recebidos ontem para um coquetel na bela residência da embaixadora do Brasil na Eslovênia, Deborah Baremboim, a primeira representante do Brasil naquele país.  A embaixada foi criada em 2008, e Deborah tinha acabado de ser promovida.  Para chegar ao cargo, deve ter contado o fato de ser casada com um esloveno.

Mãos ao alto

Dois clientes de advogados, que tinham saído, anteontem,  da agência do Banco do Brasil, foram assaltados no hall dos elevadores, no andar térreo da sede da seccional da OAB/RJ. Os gatunos levaram R$ 12 mil. A diretoria da entidade estuda, agora,  medidas para evitar a repetição de episódios como este.

Da mesma forma

Estão  sendo estudadas soluções para aumentar a segurança no entorno da sede, onde têm ocorrido também assaltos, particularmente no início da noite, horário em que se encerra o expediente da instituição.

É justo

O governador do DF, o médico Agnelo Queirós, prometeu inaugurar, em breve, um  hospital com o nome de José Alencar.

Novidades

A Suframa, em parceria com o Ministério das Relações Exteriores, participa da  Feira  Industrial de Hannover, na Alemanha. O evento é mundialmente conhecido como a plataforma mais importante para inovações industriais e lançamento de novas tecnologias.

Quem sabe, sabe

O ex-senador Artur Virgilio, conselheiro de carreira do Ministério das Relações Exteriores, prepara tese sobre o papel do Congresso na formação da política externa.

Por escrito

O ex-líder tucano também mantém contatos com  uma editora paulista para lançar um livro de memórias políticas. Pretende contar fatos relacionados com pessoas ainda vivas. Sem ofensas, claro.

– Se for para dizer algo pela metade, é melhor não dizer – explica. 

Livro de cabeceira

No momento, Virgílio, como bom flamenguista que é,  lê O sapo de Arubinha,  do escritor Mário Filho, irmão de Nelson Rodrigues, que foi ferrenho tricolor.

Na terrinha

Antes de lançar as memórias  políticas, Virgilio tem planos de ir, em maio,  para Portugal, onde ficará até o fim o ano.

– Estou me sentindo muito bem, mas todo mundo precisa de um momento a sós com seus pensamentos – conclui.

Gente fina

A Orlean, sempre à frente no décor carioca, promove na próxima terça-feira, 12, um jantar en petit comité em homenagem a arquitetos e decoradores cariocas no chiquérrimo Hotel Bulgari, em Milão. O chef Elio Sironi elaborou três pratos e uma sobremesa especialmente para o evento oferecido por Simone e Jacob Orlean.