Ataque aéreo israelense deixa sete mortos nas Colinas de Golã

Sete homens, ao que tudo indica membros do grupo Estado Islâmico (EI), morreram nesta quarta-feira em um ataque da aviação israelense nas Colinas de Golã, anunciou nesta quinta-feira um porta-voz do exército israelense.

Os homens, armados com fuzis, granadas e coletes de explosivos, foram detectados quando se aproximavam das posições israelenses na região de Golã anexada por Israel.

De acordo com o porta-voz militar, os sete eram membros do EI e pretendiam entrar em Israel para cometer atentados.

mjs/jlr/iw/zm/pc/fp