Partido governista anuncia conquista de todas as cadeiras no Parlamento do Camboja

O partido do primeiro-ministro Hun Sen anunciou nesta segunda-feira que "venceu todas as cadeiras" no Parlamento nas eleições legislativas celebradas no domingo no Camboja.

O Partido do Povo Cambojano (PPC) "venceu todas as cadeiras no país", 125 no total, afirmou Sok Eysan, porta-voz do partido.

"O apoio esmagador do povo cambojano concedeu a Hun Sen uma nova possibilidade de continuar sua missão histórica", completou o porta-voz.

As eleições não contaram com a participação do principal partido de oposição, o Partido da Salvação Nacional do Camboja (CNRP), que em 2013 recebeu, de modo surpreendente, 44% dos votos.

O CNRP foi dissolvido no fim de 2017 e seu líder, Kem Sokha, detido.

"Agora precisamos ver o que a comunidade internacional vai fazer", declarou à AFP Phil Robertson, vice-diretor da ONG Human Rights Watch para a Ásia.

Sam Rainsy, fundador do CNRP, pediu sanções internacionais contra o regime cambojano.

A Comissão Eleitoral, controlada pelo governo, anunciou que a votação de domingo teve um índice de participação de 82%, resultado superior aos 69% registrados nas eleições de 2013.

suy-sde/phv/zm/ra/fp