Polícia prende homem que tentou esfaquear guarda no Parlamento canadense

A Polícia do Canadá deteve um homem que pouco antes tentou esfaquear um membro da guarda cerimonial do Parlamento em Ottawa nesta segunda-feira (23), reportou a imprensa local.

"Devido à rápida reação dos nossos soldados, da Polícia Real Montada do Canadá e dos serviços de proteção parlamentar, a ameaça em potencial foi identificada e neutralizada", disse um funcionário do ministério da Defesa ao jornal Ottawa Citizen, destacando que "não houve feridos no incidente".

Armado com uma faca, o homem foi detido pouco depois das 10h15 locais (11h15 de Brasília) em frente ao Parlamento no momento da troca da guarda, acrescentou o periódico da capital canadense.

As autoridades não responderam até o momento aos contatos feitos pela AFP.

Em outubro de 2014, um jovem canadense matou um soldado perto do Parlamento, em Ottawa, antes de levar um tiro no recinto.

Dois dias antes, um radical de Quebec, vinculado ao movimento islamita, matou um soldado com seu carro ao sul de Montreal.

Foi a primeira vez que o Canadá foi alvo de ataques jihadistas.

sab/sst/ec/rsr/mvv