Procurador-geral de NY se demite após acusação de violência contra mulheres

O procurador-geral do estado de Nova York, Eric Schneiderman, anunciou sua demissão nesta segunda-feira, horas após a publicação de um artigo no qual várias ex-companheiras o acusam de condutas violentas e ameaças, o que ele nega.

Schneiderman avaliou que as acusações, que não estão relacionadas com sua atividade profissional, o impedem de "dirigir a procuradoria neste período crítico", e anunciou sua demissão, que será efetiva na noite desta terça-feira.

tu/lr