Oposição reúne milhares de pessoas para apoiar candidato à premier

Milhares de armênios aclamaram na noite desta segunda-feira, em Erevan, o líder opositor Nikol Pashinián, na véspera da eleição de um novo primeiro-ministro no Parlamento.

"Há apenas um candidato e é este do povo", disse Pashinián do palanque instalado na Praça da República, no centro de Erevan, acrescentando que tem o apoio da maioria dos blocos do Parlamento.

Acompanhado por Serj Tankian, cantor americano de origem armênia do grupo de rock System of a Down, Pashinián disse estar "95% seguro" de que será eleito primeiro-ministro "amanhã".

Nikol Pashinián, um ex-jornalista de 42 anos, foi o único a se apresentar para o cargo de chefe de governo.

É a segunda vez em oito dias que apresenta sua candidatura. Em 1º de maio, fracassou em sua tentativa, após o Partido Republicano, que conta com 58 do total de 105 deputados, bloquear sua eleição.

A Armênia está mergulhada há três semanas em uma crise política sem precedentes, após a demissão de Serzh Sargsián, em 23 de abril, eleito premier seis dias antes pelo Parlamento após ocupar a chefia de Estado durante dez anos.

Um novo fracasso em se eleger o chefe de governo provocará a convocação de eleições antecipadas.

gde-im/lr