Bombardeios sírios mataram 500 civis em sete dias em Ghuta Oriental

Os bombardeios do regime sírio mataram 500 civis em sete dias, incluindo 121 crianças, na região de Ghuta Oriental, um reduto rebelde próximo a Damasco, informou neste sábado a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH)

O balanço aumentou depois que mais corpos foram encontrados sob os escombros e a morte de mais civis neste sábado, explicou o OSDH.