Ataque aéreo dos EUA mata membros do Al Shabab na Somália

A milícia é um dos grupos terroristas mais ativos da África

As Forças Armadas dos Estados Unidos realizaram um novo ataque aéreo contra postos do grupo terrorista Al Shabab perto de Mogadíscio, capital da Somália.

Segundo o Comando dos EUA na África, o bombardeio matou quatro membros da milícia e destruiu um veículo que transportava explosivos.

O ataque ocorreu na noite da última quarta-feira (27), em uma zona situada 25 quilômetros a oeste de Mogadíscio. O Al Shabab é um dos grupos terroristas mais ativos da África e é tido como responsável pelo atentado com caminhão-bomba que matou 512 pessoas na capital somali em 14 de outubro de 2017.

No entanto, a milícia nunca reivindicou a autoria do ataque, o mais mortal da história do país africano. Atualmente, drones norte-americanos dão suporte ao Exército da Somália na guerra contra o Al Shabab.