Obama dá primeira entrevista há muito tempo e confessa 'ter saudade' da presidência

Barack Obama afirmou que após deixar o posto de presidente dos EUA, ele está satisfeito que agora tem tempo suficiente para dormir e controlar sua agenda do dia.

"Eu me levanto mais tarde. E, claro, é bom poder controlar totalmente meu dia, o que não eu podia fazer antes, quanto era presidente. Na época, eu tinha… uma agenda lotada. Hoje em dia, me acordo, decido como eu quero passar o tempo e o que preciso fazer. Sinto-me livre. Ganhei a oportunidade de mergulhar mais profundamente em alguns assuntos", disse Obama em uma entrevista com o príncipe Harry, publicada nessa quarta-feira (27).

"Agora, posso acordar e ficar 45 minutos conversando com minha esposa, depois posso me dar ao luxo de tomar um café da manhã sem pressa e só depois começar outras atividades", adiantou.

O ex-presidente confessou que sua vida mudou muito desde a saída da presidência. Em primeiro lugar, destacou Obama, as mudanças têm a ver com sua agenda de negócios. Ao mesmo tempo, ele continua pensando no futuro do seu país e seus cidadãos.

"Para mim, muita coisa mudou, mas continuo pensando em assuntos importantes — gostaria de ter certeza que os EUA estão se desenvolvendo e mantêm sua posição no mundo. Eu gostaria que as crianças tivessem acesso ao ensino, que todos em necessidade tivessem um emprego e uma renumeração decente. Claro que deixei de ter aquelas ferramentas das quais dispunha na presidência. Mas muita coisa aumenta minha motivação hoje em dia", revelou o ex-presidente estadunidense.

Obama afirmou estar com saudades do seu antigo emprego e da equipe de especialistas com quem trabalhou na Casa Branca.

"Sobretudo, sinto muito saudade quando relembro da minha equipe, ela me faz muita falta. Falta-me intensidade de trabalho, quando você sabia que, ao resolver a cada dia alguns problemas, você fazia algo para o povo. E claro que estou com saudade daquele cargo [de presidente]", resumiu.

>> Sputnik