Forças do Iraque avançam em Mosul e milhares de civis fogem

Homens, mulheres e crianças foram alojados em campo de refugiados

Cerca de nove mil civis fugiram na noite desta segunda-feira (27) da região oeste de Mossul, no Iraque, enquanto as Forças militares confrontavam o grupo jihadista Estado Islâmico, que controla a maior parte da área.

De acordo com o ministro de Migração, Jassem Mohammad al Jaff, 8,735 homens, mulheres e crianças fugiram para o território controlado por partidários e foram alojados em campos de refugiados cuidados pelo Serviço de Contraterrorismo do Iraque.

Desde o iníco da ofensiva para retomar Mosul, este é o maior número de civis que fugiram de áreas controladas pelo Estado Islâmico em busca de assistência médica, alimento e água, disseram comandantes iraquianos.