Terremoto no vulcão Etna causa susto e evacua escolas

Monte fica na região da Sicília, no sul da Itália

Uma série de terremotos atingiu na manhã desta segunda-feira (30) a região do vulcão Etna, situado na ilha da Sicília, no sul da Itália, e forçou a evacuação de diversas escolas.

Segundo o Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia (INGV), foram registrados mais de 60 eventos sísmicos na área do monte, vários deles superiores a 3.0 na escala Richter - o mais forte, ocorrido às 10h51 (horário local), teve 3.5 de magnitude.

A população conseguiu sentir claramente os tremores, mas não há notícias sobre danos materiais ou humanos. Ainda assim, como medida de precaução, várias escolas da província de Catânia, onde fica o Etna, foram evacuadas.

Com 3,3 mil metros de altitude, o vulcão é o maior da Europa, e sua última erupção foi registrada em dezembro de 2015, quando a nuvem de material incandescente chegou a 3 km de altura. Não houve vítimas.

Desde agosto do ano passado, a Itália vem sofrendo com uma série de terremotos que já matou mais de 300 pessoas, mas os tremores se concentram na região central do país.