Itália recebe exposição de 5 artistas brasileiros

A cidade de Bolonha, na Itália, ficará até o próximo dia 8 de fevereiro um pouco mais brasileira. O motivo é a exposição "Inside Brazil", que começou a ser exposta na última quarta-feira, dia 25, na Basilica di Santo Stefano.

A mostra, com curadoria das italianas Silvia Evangelisti e Stefania Cesari, conta com trabalhos, entre quadros, esculturas, instalações e fotografias, de cinco artistas brasileiros em um ambiente que exprime a ligação entre os dois países, Brasil e Itália, já que a basílica é comandada por sete monges beneditinos brasileiros.

A exposição tem como objetivo mostrar um Brasil contemporâneo que ainda tem uma forte conexão com a sua cultura primitiva, formada através de uma fusão entre várias etnias, dos povos indígenas, dos europeus que colonizaram o país, dos escravos negros africanos que foram trazidos à nação e dos demais povos, entre árabes e asiáticos, que imigraram para cá mais recentemente.

Um dos artistas da exposição é Luiz Martins que, nascido no Vale do Jequitinhonha, em São Paulo, trabalha com quadros e esculturas que abordam o primitivismo da arte abstrata. Já Branco, que é originário de Alagoas, tem as figuras vivas como sua fonte de diálogo.

Por sua vez, César Meneghetti impressiona, entre Brasil e Europa, com suas instalações visuais. Já Christian Cravo, nascido na Dinamarca, mas criado no Brasil, registra nas suas fotografias a cultura, religião e o cotidiano afro-brasileiro da Bahia.

Por fim, a brasileira Monica Silva, que acabou passou boa parte da sua juventude na Europa, mostra em suas fotos a essência de um Brasil que quer reencontrar suas próprias origens, abordando, por exemplo, crianças de tribos indígenas do norte do país.

"Inside Brazil" é uma exposição que faz parte do ArtCity Bologna, evento no qual atividades e expressões culturais ocupam diversos lugares da cidade italiana. Neste ano, o evento acontece entre a próxima sexta-feira (27) até o domingo (29).