Após mal-estar, Gentiloni deve ter alta ainda nesta semana

Médicos disseram que primeiro-ministro está se recuperando bem

O primeiro-ministro italiano, Paolo Gentiloni, deverá receber alta do hospital Policlinico Gemelli, em Roma, ainda nesta semana. Segundo o boletim médico do premier, as condições do político após a implantação de um stent estão boas.    

De acordo com o diretor do Pólo de Ciências Cardiovasculares e Torácicas da Fundação Policlinico Universitário Agostino Gemelli, Filippo Crea, foi confirmada a "ótima evolução da situação clínica" de Gentiloni, revelada pelos resultados dos exames de sangue, "da excelente função cardíaca e da estabilização da sua pressão".    

Gentiloni foi internado na última quarta-feira, dia 11, após sofrer um mal-estar quando voltava de uma viagem à França e precisou passar por uma angioplastia, procedimento cirúrgico para desobstruir as artérias.    

Nas suas redes sociais, o premier já tinha afirmado que estava bem e agradeceu os pedidos de melhora da população italiana. Os médicos também afirmaram que o primeiro-ministro passou "tranquilamente" a última noite.