Nasce 1º bebê de Amatrice após terremoto de agosto na Itália

Os pais da pequena Rachele tiveram casa em Amatrice destruída

Após a tragédia que foi o terremoto do dia 24 de agosto na Itália, com toda a destruição e as 298 mortes decorrentes dele, sendo cerca de 240 delas apenas em Amatrice, a cidade mais afetada pelos tremores acaba de recuperar um pouco da sua esperança e de ganhar um pouco mais de vida. O motivo é o nascimento do primeiro bebê do município depois do terremoto. 

A criança, que foi chamada de Rachele, nasceu no último sábado, dia 5, no hospital San Salvatore, em Áquila. Seus pais, Eleonora Cortoni e Marco Contini, tiveram que deixar Amatrice depois que a sua casa na fração de Casali di Sotto foi destruída pelo terremoto. O casal se mudou provisoriamente para Cavallari, localizado no distrito de Montereale e na província de Áquila, e lá tiveram o bebê. (ANSA)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais