Azevêdo formaliza candidatura a reeleição na OMC

Diplomata brasileiro comanda a organização desde 2013

O embaixador brasileiro Roberto Azevêdo formalizou sua candidatura para ser reconduzido a um segundo mandato de quatro anos como diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), cargo que ocupa desde 2013.    

A escolha será feita no início de 2017, e o novo mandato começará no próximo dia 1º de setembro. O anúncio foi feito por meio de uma nota divulgada no fim da semana passada pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE) do Brasil.    

"O Brasil saúda com satisfação a decisão do DG-OMC de colocar-se à disposição dos Estados-Membros para exercer novo mandato à frente da Organização e apoia decididamente sua recondução. O governo brasileiro entende que o embaixador Roberto Azevêdo reúne as melhores credenciais para continuar a prestar serviços relevantes ao sistema de comércio internacional", diz o comunicado do Itamaraty.    

Até o momento, Azevêdo, que tem a difícil tarefa de liderar negociações sobre o comércio mundial, é tido como favorito para continuar no cargo.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais