Donald Trump pode ter ficado sem pagar imposto de renda por 18 anos

Candidato teria se beneficiado de prejuízo quase bilionário

O candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, pode ter deixado de pagar impostos federais por 18 anos, de acordo com uma reportagem publicada pelo jornal "The New York Times".    

O diário teve acesso à declaração de renda feita pelo magnata em 1995, na qual ele diz ter sofrido um prejuízo de US$ 916 milhões. Com isso, Trump pode ter usado a perda para, legalmente, não pagar o imposto federal sobre rendimentos até 2013.    

No entanto, não é possível saber se isso de fato ocorreu, já que o candidato se nega a divulgar suas declarações de imposto de renda, uma prática comum entre os aspirantes à Casa Branca e já adotada pela democrata Hillary Clinton.    

Segundo o "NYT", os prejuízos em 1995 ocorreram por conta da má gestão de três cassinos em Atlantic City, da fracassada incursão no setor de companhias aéreas e da intempestiva aquisição do Plaza Hotel, em Manhattan.    

"A única notícia aqui é que um documento fiscal de mais de 20 anos foi obtido ilegalmente, em mais uma demonstração de que o 'New York Times', assim como a mídia do establishment em geral, é uma extensão da campanha de Hillary Clinton", declarou o republicano por meio de uma nota.    

O comunicado diz ainda que Trump é um "homem de negócios muito hábil, que tem a responsabilidade com seus negócios, sua família e seus funcionários de não pagar mais impostos do que o legalmente pedido".    

Por sua vez, a democrata afirmou que os dados divulgados pelo jornal revelam que o sistema fiscal norte-americano é "injusto" - uma de suas propostas é elevar a taxação sobre os mais ricos.