Damasco: operação russa na Síria mostrou-se eficaz na luta contra terrorismo

A operação das Forças Aeroespaciais na Síria mostrou intenções reais e eficazes de Moscou de combater ao terrorismo, afirmou uma fonte diplomática à agência de notícias síria SANA.

"A operação das Forças Aeroespaciais junto com a Força Aérea síria levou aos resultados eficazes na luta conte o Daesh e Frente al-Nusra e outros agrupamentos radicais. Ela (Rússia) provou a intenção sincera e amigável na luta contra o terrorismo", destacou a fonte do Ministério do Exterior.

O Ministério frisou que passado um ano, a Rússia ajudou a enfraquecer os terroristas na Síria e apoiou a para o roubo do petróleo realizado pelos grupos extremistas. A diplomacia síria agradeceu à Rússia pelo apoio nem só no terreno, mas também na arena política: "As relações estratégicas entre os países amigáveis são visíveis nem só na esfera militar, mas também na política. Esta cooperação é dirigida à busca da resolução da crise síria".

A Rússia iniciou em 30 de setembro de 2015, a pedido do presidente sírio Bashar Assad, ataques aéreos contra posições terroristas na Síria. Com o apoio russo Damasco conseguiu alterar a situação na frente e lançar ofensivas nas direções-chave. Desde setembro de 2015 até março de 2016 a aviação russa realizou mais de 9 mil missões.