A uma semana da JMJ, Papa envia mensagem para os jovens

Pontífice estará na Polônia entre os dias 27 e 31 de julho

A exatos sete dias da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), o papa Francisco divulgou um vídeo revelando sua empolgação para o evento, que ocorre entre os dias 27 e 31 de julho na Cracóvia, Polônia.    

"Eu tenho um grande desejo de encontrar-vos para oferecer ao mundo um novo sinal de harmonia, um mosaico de diversos rostos, de tantas raças, línguas, povos e culturas, mas todos unidos no nome de Jesus, que é o rosto da Misericórdia", afirmou o sucessor de Bento XVI.    Lembrando que a celebração dos jovens "será na agradável e devota memória de são João Paulo II", nascido na Polônia, Francisco enviou uma mensagem para os participantes de todo o planeta. "Caros jovens de todas as partes da Europa, África, América, Ásia e Oceania. Eu abençoo também os seus países, os vossos pedidos e os vossos passos até a Cracóvia porque essa é uma peregrinação de fé e de fraternidade", ressaltou.    

Até o momento, 335.437 jovens do mundo todo se inscreveram. Além dos poloneses, que são maioria, os maiores grupos vêm da Itália, França, Espanha, Estados Unidos, Alemanha, Ucrânia e Portugal. Ao todo, são esperados cerca de dois milhões de participantes durante a JMJ.    

De acordo com o porta-voz demissionário do Vaticano, padre Federico Lombardi, os discursos do Papa durante a Jornada serão todos em italiano – com a exceção de um pronunciamento em espanhol. Além da fazer celebrações da JMJ, Jorge Mario Bergoglio fará uma visita aos campos de concentração de judeus de Auschwitz e Birkenau no dia 29 de julho. Não é esperado que o líder católico faça um pronunciamento, mas que seja uma visita silenciosa.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais