Em teste para Merkel, Alemanha realiza eleições em 3 estados

Neste domingo (13), três estados da Alemanha realizarão eleições e colocarão à prova a política imposta pela chanceler Angela Merkel e seu partido, a União Democrata-Cristã (CDU). Baden-Württemberg, Renânia-Palatinado e Alta Saxônia reúnem cerca de 17 milhões dos 81 milhões de habitantes alemães.

Especialistas apontam que o apoio à tradicional sigla deve diminuir e ser em parte transferido para a extrema-direita. Isso porque, desde o ano passado, Merkel adotou uma política mais aberta na questão da crise de refugiados, prometendo dar refúgio a até um milhão de pessoas. 

O movimento influenciou ainda mais os deslocados que chegam à União Europeia a tentar alcançar o território alemão e a medida é extremamente criticada por ultradireitistas. Apesar das críticas internas, a medida fez com que a chanceler fosse indicada a personalidade do ano de 2015 pela conceituada revista "Time".

Segundo pesquisa divulgada pela "RTL", a CDU deve perder a disputa em Bade-Vurtemberga para a coligação Aliança90/Os Verdes e vencer na Alta Saxônia. Na Renânia, o quadro está empatado entre CDU e o Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD).

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais