Suposto destroço do MH370 é encontrado em La Réunion

Objeto é quadrado, cinza e de bordas azuis

O mesmo homem que encontrara um pedaço da asa do voo MH370, desaparecido desde 8 de março de 2014, descobriu outro destroço que pode pertencer ao Boeing 777 da Malaysia Airlines, um objeto quadrado, cinza e de bordas azuis. 

O item foi achado em uma praia da ilha francesa de La Réunion, quase no mesmo local onde o primeiro estava. Segundo a agência "Associated Press", o elemento foi encontrado na última quinta-feira (3) e entregue às autoridades de Paris no dia seguinte. 

Na semana passada, um blogueiro norte-americano também teria encontrado outro destroço do avião, mas na costa de Moçambique, na África. De acordo com a "NBC", as primeiras análises indicam que o pedaço, uma suposta "casca" do estabilizador horizontal da aeronave, pertence a um Boeing 777, mas a Malaysia Airlines afirmou que ainda é "muito especulativo" dizer que a peça é do MH370. 

No dia 8 de março de 2014, o avião fazia a rota entre Kuala Lumpur, na Malásia, e Pequim, na China, quando desapareceu com 239 pessoas a bordo. Em janeiro de 2015, seu sumiço foi declarado oficialmente um acidente, e os investigadores acreditam que ele tenha caído no sul do Índico, mas até hoje o fim do MH370 continua sendo o maior mistério da história da aviação civil. (ANSA)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais