'The Japan Times': População japonesa está diminuindo

Número de cidadãos em Osaka caiu pela primeira vez em quase sete décadas

Matéria publicada na quinta-feira (3) no The Japan News, comenta que os últimos resultados nacionais do censo demonstram que o declínio da população do Japão, mais do que nunca, está concentrada em Tóquio e seus arredores. A administração Abe se comprometeu a lutar contra a tendência demográfica e evitara fuga da população para Tóquio, através da revitalização das economias regionais. O que o governo também deve fazer é enfrentar a realidade demográfica e preparar um plano para manter os sistemas socioeconômicos do país em meio ao declínio da população, incluindo a melhoria dos serviços de segurança médica e social.

Segundo a reportagem, os resultados preliminares do censo 2015 divulgados na semana passada, pintam um quadro sombrio dos problemas demográficos do Japão. A população total, incluindo os residentes estrangeiros a partir de 01 de outubro é de 127,11 milhões, uma redução de 947 mil, ou 0,7 por cento, se comparado ao censo anterior, em 2010, representando uma queda que um ministro descreveu como equivalente à perda de uma das 47 prefeituras. Foi o primeiro declínio da população do Japão, como mostrado no censo nacional, que fornece dados básicos do país em vários campos , desde que a pesquisa começou em 1920.

Os resultados também destacam a concentração acelerada da população na área metropolitana de Tóquio. A população combinada de Tokyo, Saitama, Chiba e Kanagawa aumentou em 510.000 para 36,13 milhões, representando 28 por cento do total do país.  A população de Osaka caiu pela primeira vez em quase sete décadas.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais