Polícia italiana prende 41 pessoas ligadas à máfia da Calábria

A Polícia de Estado da província de Reggio Calabria, no sul da Itália, executou na manhã desta quarta-feira (22) 41 mandados de prisão preventiva em todo o território nacional e em Malta para desmantelar um esquema de jogos e apostas ilegais online controlado pela 'Ndrangheta, a máfia da região da Calábria.

Deste total, 28 pessoas foram levadas para a cadeia e 13 estão em regime de detenção domiciliar. Além disso, os agentes interditaram 56 empresas e 82 sites italianos e estrangeiros, 1,5 mil pontos comerciais que faziam a venda das apostas e inúmeros imóveis, totalizando um valor de cerca de 2 bilhões de euros.

O esquema seria chefiado pelo boss Francesco Ietto, que dava as ordens mesmo estando em prisão domiciliar em San Colombano al Lambro, na província de Milão, por associação mafiosa.

"O nosso sistema funciona do ponto de vista da repressão das dinâmicas criminosas. Estamos conseguindo resultados muito importantes", declarou o ministro do Interior da Itália, Angelino Alfano.