Calor mata mais de 450 pessoas em três dias no Paquistão

A onda de calor que afeta o Sul do Paquistão deixou mais de 450 mortos nos últimos três dias, anunciaram nesta terça-feira (23) as autoridades locais.

A maioria das mortes foi registrada em Carachi, a maior cidade do país, com cerca de 20 milhões de habitantes, aonde a temperatura chegou aos 45 graus e houve cortes no abastecimento de eletricidade e congestionamentos na rede de água.