Primeiro-ministro italiano elogia discurso do papa na União Europeia

O primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, afirmou que o discurso do papa Francisco no Parlamento Europeu, nesta terça-feira (25), foi extraordinário. "Um discurso extraordinário que fechou com chave de ouro o semestre italiano. Foi um encorajamento de altíssimo nível seja para quem tem fé, mas também para os cidadãos que desejam uma Europa feita de pessoas e não só de tecnocratas", destacou o premier. 

Renzi ainda ressaltou que o discurso do Pontífice está "profundamente" ligado ao que seu governo está fazendo, uma "política séria, com P maiúsculo". 

Porém, apesar de dizer seguir a linha de seu governo, Renzi destacou que o "papa não fez um discurso programado, mas um debate no mais alto nível sobre todos os pontos: do trabalho ao meio-ambiente e no fato de que a Europa não é só economia e tecnocracia".