50 italianos combatem com o Estado Islâmico

Cerca de 50 italianos partiram para o Oriente Médio para lutar com o Estado Islâmico (EI, ex-Isis). A informação foi anunciada por Claudio Galzerano, diretor da Divisão Antiterrorismo Internacional, ligada a divisão de operações especiais da polícia italiana (Ucigos), nesta segunda-feira (29). "Foi criada uma lista que permite conhecer exatamente a dimensão do fenômeno. São ao menos 50 pessoas.", afirmou Galzerano.

    "Fizemos uma monitoração e sabemos que um número de 48 pessoas tem alguma relação com a Itália, em trânsito ou outras etapas de passagem efetuadas no país", afirmou o ministro do Interior, Angelino Alfano, durante a Conferência de Alto Nível da Segurança da União Europeia (UE).

    "O Comitê de Análise Estratégica Antiterrorismo se reúne toda semana para analisar informações e ter a situação sob controle", disse o ministro italiano. (ANSA)