Presidente do Irã cobra Israel sobre desarmamento nuclear

O presidente do Irã, Hassan Rohani, afirmou hoje (26) na ONU que Israel deveria assinar sem hesitação o tratado de não-proliferação nuclear para que o Oriente Médio seja uma região desmilitarizada.    

O líder iraniano também propôs um prazo de cinco anos para que o mundo esteja livre desse tipo de armamento e sugeriu que o dia 26 de setembro seja estabelecido como a Jornada Mundial para a Eliminação Nuclear. 

"Nenhuma nação deveria possuir armas nucleares. Ao invés de armamento, devemos investir em desenvolvimento", disse Rohani.