Motorista que matou casal que dava volta ao mundo de bicicleta é solto   

O motorista tailandês que causou a morte do casal britânico Peter Root e Mary Thompson na última quarta-feira, em uma estrada a pouco mais de 100 km de Bangcoc, foi solto após pagar a fiança. Ele será acusado de direção perigosa e de homicídio culposo. 

O casal estava fazendo uma viagem de volta ao mundo de bicicleta e já havia cruzado a Europa, a Ásia Central e a China.

Os corpos de ambos estão sendo mantidos por uma associação de caridade local, segundo informou a polícia ao site de notícias local Pattaya Mail. A embaixada britânica já teria entrado em contato com as autoridades locais para levar os corpos de volta ao Reino Unido.

O coronel Supachai Loangsukcharoen disse que motorista Worapong Sangkhawat, 25 anos, ficou gravemente ferido no acidente. A investigação está recolhendo evidências de que a direção perigosa levou o casal britânico à morte. Se for provada a culpta, o jovem pode pegar até 10 anos. 

Root era morador da ilha de Jersey e cresceu em Guernsey. Thompson era de Bristol. Ambos se conheceram há 14 anos na faculdade Falmounth College of Arts - onde estudavam arte.Volta ao mundo

Peter Root e Mary Thompson já haviam passado por 23 países de bicicleta, percorrendo mais de 25 mil quilômetros. A dupla tinha um blog, uma página no Twitter e postava vídeos no Vímeo (site de compartilhamento de vídeos) narrando a aventura que começou em julho de 2011.