Espanhóis ateiam fogo ao próprio corpo na região da Andaluzia

Dois casos de imolação foram registrados em um período de menos de 24 horas na cidade espanhola de Vélez-Málaga, na província de Málaga, na região da Andaluzia. Ambos os atingidos estão internados com queimaduras consideradas graves.

No primeiro caso, na noite da quarta-feira (horário espanhol), um homem de 57 anos se banhou em líquido inflamante e ateou fogo ao próprio corpo na frente do hospital Carlos Haya. Ele foi rapidamente socorrido e encaminhado para a unidade de terapia intensiva (UTI).

Menos de um dia após o primeiro episódio, nesta quinta-feira, um homem de 63 anos se trancou em seu carro e ateou fogo no automóvel. Pedestres observaram o veículo em chamas do alto de uma ponte e avisaram policiais, que conseguiram impedir a suposta tentativa de suicídio. Semiconsciente, o homem foi encaminhado para um hospital, em estado grave.

Os casos estão sob investigação. Não há informações sobre as motivações e o perfil das vítimas, que poderiam ser pessoas afetadas pela crise econômica que abala o país europeu.