Governo sul-africano diz que estado de saúde de Mandela é bom

Líder será submetido a novos exames nesta segunda-feira

O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, de 94 anos, continua internado no Hospital Militar de Pretória, onde deu entrada no último sábado para a realização de exames médicos. Segundo o governo, o quadro de saúde de Mandela é bom. Ele passou bem a noite, mas será submetido a novos exames nesta segunda-feira.

Neste domingo, milhares de pessoas foram à Igreja Regina Mundi, no distrito de Soweto, rezar pela recuperação de Madiba, como é carinhosamente chamado no país. 

Em 2011, Mandela foi hospitalizado devido a problemas respiratórios. Voltou ao hospital em fevereiro deste ano por causa de dores abdominais. Na ocasião, ele foi liberado no dia seguinte depois que os exames não detectaram nenhum problema sério.

A última aparição pública de Mandela foi durante a Copa do Mundo de 2010, realizada no país. Ele é considerado um dos maiores heróis da luta dos negros pela igualdade de direitos no país. Mandela ficou preso por 27 anos e, depois de liberado, ganhou o Prêmio Nobel da Paz em 1993.

Em 1994, o país realizou suas primeiras eleições multirraciais, e Mandela foi eleito. Em 1999, não se candidatou à reeleição e se aposentou da carreira política. Desde então, ele passou boa parte de seu tempo em sua casa em Qunu, o vilarejo em que passou a infância, na província pobre do Cabo Leste.