Assad nomeia novo primeiro-ministro da Síria depois de fuga do antecessor 

Três dias depois de o ex-primeiro-ministro da Síria, Riad Hijab, de 48 anos, abandonar o cargo e fugir do país, o presidente sírio, Bashar Al Assad, nomeou hoje (9) o substituto. O escolhido é o ministro da Saúde, Wael Al Halqi. A emissora estatal de televisão da Síria divulgou a informação.

“O presidente Bashar Al Assad assinou o Decreto 298, nomeando Wael Al Halqi para o cargo de primeiro-ministro”, informou.

Formado em medicina pela Universidade de Damasco, o novo primeiro-ministro comandou ações na área de saúde na região de Deraa e faz parte do partido Baath, que é o mesmo de Assad. O antecessor dele ficou pouco mais de um mês no cargo.

A deserção de Hijab foi considerada por especialistas internacionais como sendo a mais expressiva baixa no governo sírio desde que eclodiram os protestos no país, em março de 2011. O ex-primeiro-ministro fugiu da Síria rumo à Jordânia com a família e dois oficiais militares.