Ingleses ameaçam greve por pausa menor para chá e banheiro 

Trabalhadores do Reino Unido que produzem o carro Mini, da BMW, ameaçam entrar em greve contra uma oferta de acordo que os obriga a diminuir os intervalos para o chá e para ir ao banheiro, de acordo com informações do jornal The Sun.

Conforme os líderes do sindicato da categoria, 97% dos 2 mil empregados da fábrica rejeitaram o acordo que prevê um aumento de 2,2%, mas corta alguns benefícios. Cerca de 1,8% dos funcionários concordam com o acordo, que prevê cortes de 11 minutos no tempo de descanso.

O tempo de descanso desses funcionários seria de 42 minutos dentro de um turno de 11 horas. Na Alemanha, os trabalhadores da empresa ganham 50 minutos de descanso a cada 8 horas de trabalho, diz a publicação. Segundo a empresa, foi oferecido um acordo de 6% aos trabalhadores e a empresa está aberta a renegociações.