Duplo atentado deixa 27 mortos na Síria 

Pelo menos 27 pessoas morreram neste sábado após atentados a dois edifícios de segurança da Síria, na capital Damasco. Outras 97 pessoas ficaram feridas nas ações. 

A agência oficial de notícias Sana informou que dois carros-bomba explodiram, em ações qualificadas de "terroristas".

Entre os mortos há civis e membros de segurança, segundo confirmou a televisão síria, que mostrou imagens de corpos carbonizados e diversos destroços materiais, além de grandes colunas de fumaça no local dos atentados.

O primeiro dos ataques teve como alvo a sede da Inteligência aérea, situada no norte da capital síria, enquanto uma segunda explosão foi ouvida por volta das 7h40 locais (2h40 de Brasília) em um edifício da Segurança Criminal, no oeste da cidade.

"Minha família está bem, mas as janelas da minha casa ficaram totalmente destruídas. A explosão foi terrível", disse uma mulher que vivia na praça Tahrir, perto do complexo de segurança.

Nesta região, um médico da Cruz Vermelha que pediu anonimato assegurou que pelo menos 40 pessoas ficaram feridas, algumas delas com gravidade.

Com AFP