Argélia terá biblioteca de Oscar Niemeyer

Uma biblioteca árabe-sul-americana projetada pelo arquiteto Oscar Niemeyer, 104 anos, será construída dentro de seis meses nas proximidades de Argel, como parte de um acordo de intercâmbio cultural entre as duas regiões.

O projeto, que será construído em uma área de 40 mil metros quadrados em Zeralda, localidade na periferia sudoeste de Argel, deve ficar pronto em 30 meses, segundo o diretor da agência nacional responsável por grandes projetos culturais, Abdelhalim Serrai.

Com um custo avaliado em R$ 1 milhão, financiados pela Argélia, a biblioteca foi proposta na reunião de cúpula de chefes de Estado sul-americanos e árabes de 2005 em Brasília.

Nesta segunda-feira (12), foi assinado um contrato de estudo do projeto com o escritório de arquitetura de Oscar Niemeyer.