Secretário-geral da ONU exige que a Síria autorize entrada de ajuda humanitária 

A situação na Síria é "inaceitável e intolerável", afirmou nesta sexta-feira o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, que pediu às autoridades sírias que deixem entrar sem condições a ajuda humanitária no país.

"Peço que ponham fim imediatamente à violência e autorizem o acesso humanitário", declarou. "É nossa prioridade número um neste momento", acrescentou.