Sexto dia de bombardeios na cidade síria de Homs deixa 24 civis mortos

As tropas sírias atacaram a cidade de Homs nesta quinta-feira, matando pelo menos 24 civis, no sexto dia de uma ofensiva que pretende dobrar a cidade rebelde, e a ONU previu um agravamento do conflito na Síria, diante da ausência de um consenso internacional.

"Os foguetes caíram sem parar em Amr Baba", uma zona de Homs (centro), informou o ativista Omar Shakir no local, enquanto o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH) relatou a morte de 24 civis.

"No entanto, o balanço pode aumentar porque duas famílias estavam em suas casas quando as residências foram atingidas", declarou o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

Mais de 400 civis morreram desde sexta-feira passada em Homs, epicentro da revolta contra o regime de Assad.