Eleições americanas: começam primárias republicanas em Nevada 

Os eleitores republicanos do estado de Nevada começaram neste sábado a eleger em caucus (assembleias) seu candidato às eleições presidenciais dos Estados Unidos. Os caucus de Nevada, os primeiros celebrados no oeste do país, consolidariam a posição de Romney como rival do presidente candidato à reeleição, o democrata Barack Obama, em novembro.

Quatro dias atrás, Romney venceu nas primárias republicanas do estado da Flórida. As assembleias no chamado "estado de prata" serão celebradas em 125 localidades e elegerão 28 delegados à convenção republicana de agosto.

As primárias republicanas de 2012

No dia 3 de janeiro, foi dada a largada para a escolha do candidato republicano que enfrentará Barack Obama nas eleições presidenciais, no dia 6 de novembro de 2012. Trata-se de um longo processo de realização de primárias nos Estados e territórios americanos, durante o qual os eleitores elegerão delegados que participarão da Convenção Nacional do Partido Republicano, nos dias 27 e 30 de agosto.

Nas primárias, os eleitores vão às urnas e, por meio de voto secreto, escolhem os delegados que representam seus interesses. Além das primárias tradicionais (realizadas na maioria dos Estados), algumas unidades optam pelas caucuses: pequenas assembleias, geralmente compostas por militantes partidários, que têm a mesma função das primárias, mas com a principal diferença de que em uma caucus o voto é público.

As primárias e as caucuses possuem uma quantidade de delegados proporcional ao tamanho da população do Estado que representam, ao passo os pré-candidatos mais votados recebem um número de delegados proporcional à quantidade de votos obtidos. Em 2012, serão 38 primárias e 17 caucuses, que, juntas, distribuirão 2.286 delegados. Será candidato aquele que, na Convenção, obtiver os votos de ao menos 1.144 delegados.