Explosão de bomba em procissão xiita mata 16 pessoas no Paquistão 

LAHORE - A explosão de uma bomba causou a morte de 16 pessoas e feriu outras 20 em uma procissão religiosa xiita na província de Punjab, centro do Paquistão.

"As provas revelam que uma bomba explodiu", confirmou uma autoridade policial Suhail Zafar.

No momento, nenhum grupo reivindicou o atentado, embora os xiitas estejam sendo alvo de frequentes ataques por parte de grupos extremistas sunitas, que consideram aqueles como apóstatas.

A explosão ocorreu no distrito de Rahim Yar Jan, onde os xiitas comemoravam o 40º dia de luto pela morte do neto do profeta Maomé, o imã Hussein.

Os feridos foram levados para hospitais da região, disse o oficial da polícia, Suhail Zafar, à rede de televisão paquistanesa Geo TV.

Nas imagens apresentadas por outra emissora de televisão, a Dunya TV, era possível ver vários corpos ensanguentados espalhados pelo chão, uma enorme coluna de fumaça cinza se erguia e várias pessoas pedindo auxílio.