Presidente sírio diz que o país vai continuar livre e independente

O presidente da Síria, Bashar al-Assad, disse nesta terça-feira que o seu país vai continuar livre, forte e independente. Em discurso realizado na Universidade de Damasco, o líder sírio respondeu às críticas internacionais e falou que o objetivo da mídia é assustá-los.

Assad enfatizou que as partes estrangeiras estão procurando "desestabilizar" a Síria.

"Interesses regionais e internacionais que estão tentando desestabilizar a Síria não podem mais falsificar os fatos e os eventos", afirmou Assad.