Delegação iraquiana na Síria para falar de proposta de saída da crise

Uma delegação iraquiana liderada pelo conselheiro de segurança nacional, Falah al Fayyad, chegou neste sábado a Damasco para falar da iniciativa de Bagdá para pôr fim ao conflito na Síria, indicou uma fonte oficial iraquiana.

"Uma delegação dirigida por Falah al Fayyad encontra-se hoje em Damasco para falar com as autoridades sírias da iniciativa iraquiana", indicou à AFP Ali Musaui, conselheiro do primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki.

Na quinta-feira, Maliki anunciou o envio iminente de uma delegação a Damasco para tentar realizar um diálogo entre as autoridades e a oposição síria, que até agora negou-se a negociar com o regime de Bashar al-Assad e pede sua queda.

"Estados Unidos e Europa têm medo do que pode ocorrer depois de Bashar al-Assad, por isso compreendem nossa iniciativa", acrescentou.

Maliki manifestou na segunda-feira sua discordância com o presidente americano Barack Obama em relação à Síria, dizendo que não reivindica o direito de exigir a saída do presidente Assad, como faz Washington abertamente.

Mais de 5 mil pessoas morreram na repressão do movimento contra o regime sírio, iniciado em meados de março, segundo uma estimativa da ONU.