Chefe de equipe aposta em pódio do Brasil na 1ª prova do Pan

Os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara distribuirão já na manhã deste sábado suas primeiras medalhas. A partir das 9h (11h, em Brasilia), o ciclismo mountain bike realizará as provas masculina e feminina do cross-country, que terão três brasileiros envolvidos. E no que depender do chefe de equipe do ciclismo brasileiro no Pan 2011, Jose Luiz Vasconcellos, o Brasil pode ir ao pódio logo na primeira prova.

A equipe nacional conta com Érika Gramiscelli, Edivando de Souza e Rubens Valeriano. Dos três, apenas Érika busca sua primeira medalha: Rubinho foi prata no Rio 2007, enquanto Vando tambem foi vice em Santo Domingo 2003. Para José Luiz, os dois são fortes candidatos ao podio - em especial Rubinho.

"Eu jogo ele como favorito. O Edvando também, por sua experiencia em Santo Domingo. Nós estamos com os melhores nossos, e estou muito confiante no trabalho deles", disse o coordenador, otimista com a chance de uma medalha logo na abertura. "Espero que o ciclismo abra (o quadro de medalhas) como foi da vez passada. A expectativa é grande, e espero que sem dúvida o Brasil possa ter uma medalha com nossos três ciclistas", afirmou também.

O trio está na cidade de Tapalpa, palco das provas, desde o dia 11. Ali, disputarão as corridas contra atletas de 12 países - em situação de igualdade, segundo José Luiz. "Isso vai ser uma competição constante do início ao fim", diz. As provas serão realizadas no Circuito Pan-Americano de Mountain Bike, que tem agradado aos três competidores.

"Estão bastante motivados para que façam uma boa prova, estão concentrados nesse foco. O circuito todo é pedalável, algumas partes apenas é que teremos que fazer o empurra bike", diz José Luiz Vasconcellos, que explicou a preparação de todos para o Pan.

"A gente fez a seletiva no Brasil, selecionamos os melhores ciclistas masculinos e femininos dentro dos nossos resultados. Vindo para cá, mandamos eles para um hotel próximo ao circuito, que facilitaria o reconhecimento do percurso. Eles estão gostando do percurso, embora haja terra solta e algumas pedras, e vamos ver se conseguimos repetir o resultado de 2007 com o Rubinho", disse.