Sobe para 66 o número de mortos em atentados no Iraque

A série de ataques que sacudiu 15 cidades no Iraque na manhã desta segunda-feira deixou pelo menos 66 mortos e mais de 230 feridos, segundo um novo balanço provisório estabelecido pela AFP com base em informações oficiais.

O ataque mais violento aconteceu em Kut, 160 km ao sudeste de Bagdá. Dois atentados deixaram 40 mortos e 65 feridos na cidade, segundo Ghalid Rashid Khazaa, porta-voz dos serviços de saúde da região de Wasit, da qual Kut é a capital.

Durante a manhã também foram registrados ataques nas cidades de Tikrit, Bagdá, Taji, Najaf, Kirkuk, Ramadi, Kerbala, Khan Beni Saad, Iskandariya, Mossul, Balad e várias localidades da província de Diyala, incluindo Baaquba.

O balanço total, ainda provisório, supera a tomada de reféns do conselho da província de Salahedin em Tikrit (160 km ao norte de Bagdá) por parte de um comando armado da Al-Qaeda no Iraque em 29 de março de 2011, que deixou 58 mortos, e passa a ser o dia mais violento desde o início do ano.