Paquistão: três soldados e cinco civis mortos no Dia da Independência

Ao menos três soldados paquistaneses, membros das unidades paramilitares, morreram e 25 ficaram feridos neste domingo em um quartel de uma zona tribal do Paquistão atacada com foguetes, informaram responsáveis de segurança.

Quatro foguetes caíram no quartel de Miranshah, a principal cidade do distrito de Waziristão do Norte, onde as tropas se prepraravam para festejar o Dia da Independência, disse a fonte.

"Três soldados paramilitares morreram e 25 ficaram feridos", disse.

O Waziristão do Norte é um distrito fronteiriço com o Afeganistão e bastião dos rebeldes talibãs aliados da Al-Qaeda.

Por sua vez, na província do Baluchistão (sudoeste), quatro civis morreram em um atentado a bomba em um restaurante de Dera Alá Yar e um jornalista foi assassinado na cidade de Juzdar.