Centenas de mulheres participam da 'Marcha das vadias' na Alemanha

Centenas de mulheres desfilaram neste sábado pelas ruas de Berlim e de outras cidades da Alemanha vestidas com roupas provocantes para protestar contra o abuso sexual de mulheres, acompanhando o movimento mundial da "Marcha das Vadias".

Este movimento nasceu no Canadá em abril, quando um policial de Toronto declarou que as mulheres "deviam evitar se vestir como vadias para não serem agredidas".

A marcha já aconteceu em diversas cidades do mundo, inclusive no Brasil (em São Paulo no dia 4 de junho, Brasília no dia 18 e Rio de Janeiro no dia 2 de julho).

Dezenas de protestos desse tipo estão programados para acontecer no mundo inteiro nos próximos meses.