Polícia da Itália prende três acusados de sequestrar brasileira

A polícia italiana prendeu nesta quinta-feira em Brindisi, no sul da Itália, três pessoas acusadas de sequestrar e ameaçar uma brasileira de 24 anos para que ela se prostituísse. Francesco Gianfreda, 31 anos, Luigi Colella, 34 anos, e Maria Rossini, 23 anos, teriam mantido a mulher em cárcere privado por dez dias e ameaçado com um revólver.

A vítima, cujo nome não foi divulgado, conseguiu avisar a polícia sobre a situação em que se encontrava. Ao chegar no local, os agentes de segurança encontraram a brasileira sozinha e trancada em uma residência que o trio havia alugado. Ela informou às  autoridades que tinha chegado a Milão havia dez dias.

No apartamento, foram encontrados 200 preservativos e um revólver que seria de Colella. Todos os suspeitos foram detidos.