Família real da Noruega visita sobreviventes do atentado

O rei Harald da Noruega, a rainha Sonja e seu filho, o príncipe herdeiro Haakon, visitaram neste sábado os sobreviventes do tiroteio que causou a morte de 84 pessoas em um acampamento de verão da juventude do Partido Trabalhista em uma ilha nos arredores da capital Oslo. O chefe de Governo e alguns ministros acompanharam a família real.

"Estou muito impressionado com o que aconteceu", lamentou o primeiro-ministro Jens Stoltenberg diantes das câmeras de televisão. "A Noruega está de luto ao lado dos familiares das vítimas", acrescentou.

Stoltenberg disse ainda que se emocionou ao conversar com um adolescente que salvou um ferido se jogando em um lago com ele e nadando, carregando o amigo, até a costa, fugindo dos tiros.