Governo líbio acusa Otan de bombardear áreas civis

A Otan bombardeou na madrugada desta segunda-feira o porto de Zuara e postos de controle civis da cidade, que fica 120 km ao oeste de Trípoli, provocando mortos e feridos, acusou a televisão estatal líbia.

"A coalizão atlântica cruzada colonialista bombardeou áreas civis, entre elas o porto de Zuara e postos de controle na estrada da costa da cidade, provocando mártires e feridos", anunciou a emissora, sem apresentar mais detalhes.

A agência oficial Jana anunciou que "os cruzados" também bombardearam postos de controle em Bani Walid, 180 km ao sudoeste da capital líbia.

A televisão líbia denunciou uma "guerra de extermínio" e de "crimes contra a humanidade" da Otan na Líbia.