Bento XVI inaugura exposição no Vaticano com obra de Niemeyer

O Papa Bento XVI inaugurou nesta segunda-feira no Vaticano uma exposição com obras de 60 artistas contemporâneos que tentam combinar inspiração religiosa e arte contemporânea através de uma "linguagem intensa e articulada", segundo palavras do Sumo Pontífice.

"A caridade transforma a vida numa obra-prima e todo homem em um artista extraordinário", afirmou ainda.

A exposição, sob o título "Esplendor da verdade, a beleza da verdade", exibe esculturas, pinturas, partituras de músicos e textos de escritores.

A maioria dos artistas é de europeus, principalmente italianos. Três célebres arquitetos, o brasileiro Oscar Niemeyer, o suíço Mario Botta e o italiano Renzo Piano participam na exposição.

Niemeyer, de 104 anos, participa no projeto de um campanário para uma igreja de Belo Horizonte.