Mulher de Schwarzenegger abre processo de divórcio  

Quase dois meses após a revelação do escândalo do filho ilegítimo de seu marido, Maria Shriver abriu nesta sexta-feira (1) o processo de divórcio para encerrar legalmente sua união com Arnold Schwarzenegger. As informações são do site TMZ.

A fonte publicou documentos do caso nos quais Shriver alega "diferenças irreconciliáveis" no casamento, que, aparetemente, não incluiu acordo pré-nupcial - ou seja, o ex-governador da Califórnia vai ter de dividir com a mulher todos os seus ganhos e posses conquistados nos últimos 25 anos, período no qual estiveram juntos.

Nos papéis, a jornalista ainda pede pela custódia conjunta dos filhos do casal, Patrick, de 17 anos, e Christopher, de 13, além de exigir de Arnold que pague por seus advogados.

Aos amigos, Maria tem dito torcer por um processo rápido e amigável.